Seguidores

terça-feira, 22 de abril de 2014

TCE mantém suspensão de Pregão Eletrônico em Garanhuns

A Primeira Câmara do TCE referendou hoje (22) uma Medida Cautelar que havia sido expedida monocraticamente pelo conselheiro Carlos Porto, determinando ao secretário municipal de saúde de Garanhuns a suspensão do Pregão Eletrônico nº 005/2014, para compra de medicamentos destinados à rede municipal de saúde.

A decisão foi baseada no relatório de análise do edital elaborado pelos técnicos do TCE, que apontou cláusulas restritivas ao caráter competitivo do certame, tais como:

a) ausência de clareza quanto ao critério de julgamento, se por item ou se por lote;
b) não realização de pregão para registro de preços;
c) ausência de estipulação do prazo mínimo de validade dos medicamentos a serem adquiridos;
d) ausência de previsão no edital de que a entrega dos medicamentos será acompanhada dos respectivos laudos de qualidade;
e) não exigência de capital mínimo ou de patrimônio líquido mínimo como requisito de qualificação econômica financeira:
f) ausência de declaração de preferência por medicamentos genéricos sobre os demais em condições de igualdade de preço;  
g) possibilidade de prorrogação do contrato, em detrimento ao disposto no artigo 57 da Lei nº 8.666/93.

Como a realização do Pregão estava marcada para o dia 11 deste mês, o conselheiro-relator expediu a Medida Cautelar, determinando que fossem notificados para apresentação de defesa, no prazo de cinco dias, o prefeito Izaías Régis Neto, o secretário municipal de saúde Harley Davidson Rocha de Lima e o pregoeiro Marcelo Gomes de Moura. Como no período estipulado nenhum dos interessados compareceu ao processo para defender-se, o conselheiro Carlos Porto levou a Cautelar para referendo da Câmara, o que se deu por unanimidade.  O Pregão fica suspenso até que as irregularidades apontadas sejam corrigidas.

Gerência de Jornalismo (GEJO), 22/04/2014

Academia da Saúde esta sendo construída em Capoeiras


Em breve, os capoeirenses contarão com uma área apropriada para praticar atividades físicas. A prefeitura de Capoeiras em parceria com o Governo Federal através do Ministério da Saúde já iniciou as obras de construção de uma unidade da Academia da Saúde na nossa cidade. A Academia esta sendo construída num terreno no antigo estádio Carlos Rios, custará R$ 168.238,00 e a previsão é que a obra fique pronta no prazo de cinco meses.

A prefeita Neide Reino (PSB) vem transformando Capoeiras em um canteiro de obras. A Academia da Saúde é mais uma obra que se soma a outras como: a construção do PSF Gildo Marques, reforma e ampliação de outros cinco PSFs, reforma do hospital municipal, construção do novo matadouro público, construção do portal de entrada da cidade, construção e limpeza de barragens, implantação do Laboratório Municipal de Analises Clinicas; construção do Colégio Estadual, que embora seja uma obra do Governo do Estado só saiu do papel graças ao empenho da atual Gestão Municipal. 

Quando a Academia da Cidade estiver concluída, o muro do antigo campo de futebol será derrubado dando acesso ao local pela Rua Genésio Alves de Siqueira.

Saloá implanta projeto de criação de tilápias

Um projeto de piscicultura tem mudando a vida de produtores rurais no sítio Camaratuba da Prata, em Saloá. Acostumados a lidar com tomate, milho e feijão, os agricultores aceitaram o desafio de cultivar tilápia. O projeto tem o apoio da prefeitura Municipal de Saloá e do IPA – Instituto Agronômico de Pernambuco.

O peixe da espécie tilápia é o que mais tem se adaptado para criação em barragens, ou mesmo tanques de concreto. Cinco famílias participam da iniciativa e este ano já puderam expor sua produção na feira, fortalecendo o abastecimento do pescado para a Santa. O agricultor e agora pescador, Laércio Soares Bastos, diz que a experiência de vender o peixe durante a Semana Santa foi ótima. “Nós produzimos o peixe a partir da criação de alevinos. Após 4 meses tiramos hoje, cerca de 400 quilos por tanque. Isso é muito bom”. Destacou.

O projeto tem dado tão certo que outras famílias já preparam seus criatórios. Visando o fortalecimento da produção familiar, o Governo Municipal incentiva a piscicultura e juntamente ao IPA garante a compra de todo o peixe produzido pelas comunidades, dentro do programa de Aquisição de Alimento – PAA. 
Por Geraldo Mouret

segunda-feira, 21 de abril de 2014

Merece registro, 21.04.2014


  • Agradecimentos. Os frequentadores da quadra poliesportiva do Colégio Municipal estão agradecendo a prefeitura de Capoeiras pelo conserto do telhado da mesma. É que as telhas transparentes estavam quebradas e quando chovia inundava a quadra. O reparo ocorreu na semana passada. Os agradecimentos são dos mesmos atletas que pediram o conserto do telhado.



  • A prefeita Neide Reino disse que na sua equipe não há analfabetos, muito pelo contrario. O comentário foi uma resposta a um vereador que conforme consta em ata, na sessão anterior chamou de analfabeto a pessoa que ao digitar um projeto de Lei teria escrito “Vincendas”. A prefeita disse ter escolhido filhos da terra para ocupar a maioria dos cargos do município, e que nenhum é analfabeto. “Vincendas quer dizer: a vencer; que vencerão futuramente”. – completou a prefeita na última terça-feira ao participar da sessão da câmara de vereadores.



  • Parabéns! Completando idade nova esta semana, os amigos: dia 21, Marlos Duarte; dia 23, Fernanda Rocha; dia 24, Edson Carneiro; dia 25, Luís Fárias; dia 26, Marlene Julia; dia 27, Carlos Araujo (conselheiro tutelar) e Douglas Fernando. Felicidades e muitos anos de vida!



  • Cantoria em Capoeiras. Os repentistas Sebastião Dias e Valdir Teles se apresentam em Capoeiras no próximo sábado dia 26 de abril, às 20:00, no salão do Colégio Municipal. 



  • A festa em homenagem a Frei Damião que a paróquia promove anualmente em Capoeiras ocorrerá no último final de semana do próximo mês de maio. A informação foi dada pelo monsenhor Geraldo na missa de páscoa celebrada no último domingo.


“Pecar pelo silencio, quando se deveria protestar, transforma homens em covardes”.
Abraham Lincoln

Esta coluna é publicada às segundas-feiras. O espaço está aberto à participação de todos: para você parabenizar alguém, registrar um acontecimento, mandar um recado, etc. Atenção: Só serão publicadas as notas enviadas para o e-mail do blog.

domingo, 20 de abril de 2014

Jéssica Wolpert representante do Sport no concurso Belas da Torcida

Batendo um bolão!

A representante do time do Sport Clube Recife no concurso “Belas da Torcida” é Jessica Wolpert. Promovido pelo portal UOL, o concurso escolherá entre as concorrentes aquela que será a “Bela da Torcida” brasileira. Pernambuco está bem representado no concurso pela beleza e curvas perfeitas da representante do Sport, Jéssica Wolpert, conforme podemos conferir nas fotos.

Para ver o ensaio fotográfico completo da representante do Sport, clique no link: esporte.uol.com.br/belas da torcida


A chave da felicidade

HUMOR DO DOMINGO

... pelo menos da felicidade masculina.

Feliz Páscoa!

Mais amor, felicidades, compaixão e afeto.
Que nesta páscoa possamos renascer pessoas melhores. 
Que nossas vidas tenham mais rosas e menos espinhos; mais doçura e menos rancores.


sábado, 19 de abril de 2014

O Agreste é Notícia

São João
Visando a qualidade da água de consumo humano, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) expediu recomendação à Secretaria Municipal de Saúde do município de São João (Agreste Meridional) para que realize a análise do plano de amostragem da água bruta, no ponto da captação, encaminhado pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) no dia 17 de janeiro, observando se os planos mínimos de amostragem foram respeitados. A Secretaria deve informar à Promotoria de Justiça, no prazo de 10 dias, sobre o cumprimento ou não da recomendação.

Caetés
A Vila Atoleiro, no município de Caetés foi reconhecida como Comunidade Quilombola. O reconhecimento foi feito pelo Governo Federal e a entrega do certificado ocorreu no domingo dia 13 de abril. 

Bom Conselho
O prefeito Danilo Godoy viajou a Brasília esta semana, onde foi recebido em audiência no Palácio do Planalto pelo Dr. Maurílio Pedrosa,chefe de Assuntos Federativos. O prefeito apresentou vários pleitos do município. Ele também fez contatos com diversos Ministérios e Secretárias: FUNASA, Caixa Econômica Federal, Ministério das Cidades e Ministério dos Esportes.

Buíque
Uma manobra política na Câmara de vereadores antecipou a eleição da nova Mesa Diretora da Casa. A eleição que deveria ocorrer no final deste ano, aconteceu na semana passada, os vereadores elegeram o novo presidente que só tomará posse em janeiro de 2015. O atual presidente da Casa que supostamente estava com a eleição ganha, acabou perdendo o pleito. A escolha se deu com voto secreto, e agora se especula na cidade quais os vereadores que supostamente teriam traído quem.

O Agreste é Notícia - Coluna semanal publicada aos sábados apresenta um resumo de alguns dos principais fatos que foram notícia nos últimos dias nos municípios da região.

Prefeito de Gravatá, Bruno Martiniano PTB vai apoiar Paulo Câmara do PSB

Sem nenhum tipo de constrangimento, o prefeito de Gravatá, Bruno Martiniano (PTB), vai contrariar a liderança maior do seu partido no estado, o senador e pré-candidato ao governo Armando Monteiro, com um evento de adesão ao adversário na disputa pelo comando estadual, Paulo Câmara (PSB). "A importância da continuidade do modelo de gestão implantado pelo ex-governador Eduardo Campos", é a pregação dos socialistas que têm atraído um grande número de partidos e lideranças sejam elas da base aliada ou dissidentes, como é o caso de Martiniano.

Para o ato de apoio do petebista hoje, é esperado todo o staff da campanha do ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara, entre eles o presidente estadual do PSB, Sileno Guedes, o líder do governo na Assembleia Legislativa, Waldemar Borges, e o candidato ao Senado pela Frente Popular, Fernando Bezerra Coelho, todos socialistas. Caso o PTB considere a postura de Bruno Martiniano infidelidade ao partido, pode fazer uso da Lei de Fidelidade Partidária e requerer o cargo do prefeito de Gravatá. 

Aderiram a Paulo Câmara (PSB)

Bruno Martiniano (PTB) - prefeito de Gravatá
Gerson Henrique (PTB) - prefeito de Jucati
Pastor Marcos José (PT) - prefeito de Abreu e Lima
Daniel Almeida (PT) - prefeito de Vertente do Lério
Reginaldo Cavalcante (PT) - prefeito de Orocó
Romério Guimarães (PT) - prefeito de São José do Egito
Gesimário Baracho (PT) - ex-prefeito de Igarassu

Aderiram a Armando Monteiro Neto (PTB)

Julio Lóssio (PMDB) - prefeito de Petrolina
Luiz Carlos Souza (PSB) - vice-prefeito de Salgueiro
Ivanildo Bezerra (PDT) - vice-prefeito de Taquaritinga do Norte

Observação
Paulo Câmara e Armando Monteiro Neto também contabilizam apoios de vereadores das bases advesárias.

Leia a reportagem na integra clicando no Link: Por Ana Luíza Machado / Diário de Pernambuco

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Prefeitura de Capoeiras distribui sete toneladas de peixes com a população


A prefeitura de Capoeiras através da Secretaria de Assistência Social distribuiu sete mil quilos de peixes com as famílias capoeirenses. A distribuição dos peixes foi feita porta a porta, nesta quinta-feira (17), e beneficiou moradores da cidade, dos sítios e dos povoados. Além do peixe, também foi distribuído o leite de coco. A prefeita Neide Reino (PSB) e o vice prefeito Juju acompanharam as equipes de distribuição durante todo o dia. 

A ação garante o peixe do almoço da Sexta-Feira Santa nas mesas de muitas famílias que não teriam dinheiro para comprar, mantendo a tradição de se comer peixes na semana santa, “jejuar”, como as pessoas chamam aqui na nossa região. 

A prefeita Neide Reino e o vice prefeito Juju também aproveitaram a oportunidade para visitar as pessoas e desejar-lhes feliz páscoa. Nas fotos abaixo, visitas ao senhor Doda, e a Dona Maria.



Fotos compartilhadas no Facebook por Helenita Costa

Repercusão, modelo publica foto de mulher nua com gato preso entre as pernas

Maus tratos a um animal? Sensual? Mau gosto? Bom humor? Seja qual for sua opinião, o fato é que a foto de uma mulher nua com um gato preso entre as pernas causou sensação nesta quinta-feira (17), quando a imagem foi publicada no perfil da modelo Candice Swanepoel no Instagram. A foto já tem mais de 170 mil curtidas.

Os comentários no perfil da modelo sul-africana vão de "pobre gato" a "animal de sorte". Um dos usuários disse: "por que todos estão dizendo pobre gato? Mais parece um gato de sorte".

Candice (foto abaixo) não escreveu se a modelo da foto é ela mesma ou outra pessoa.

Ela é conhecida como a modelo da "barriga negativa", fama alcançada ao longo da carreira.

Para quem pensa que ela está em um mundo muito distante do nosso, saiba que a sul-africana, que namora um modelo brasileiro há oito anos, comprou uma casa no Brasil, no Espírito Santo.

Gatinhos capixabas, se cuidem!


Leia mais em: http://zip.net/bmm7Gj

A credibilidade da Chesf

Heitor Scalambrini Costa
Professor da Universidade Federal de Pernambuco

A Companhia Hidroelétrica do Rio São Francisco (CHESF) sempre contou com o apoio e a defesa incondicional dos nordestinos. Ai de quem ousasse criticá-la. Além de seus funcionários, a grande maioria dos políticos locais, dos professores, das classes dirigentes, da mídia e da população, em geral, sairia em sua defesa.

Em várias áreas o legado da CHESF para o Nordeste é inegável. Todavia existem máculas na sua relação com as populações nativas que foram forçadas a sair de suas casas, de suas terras para dar lugar à construção dos grandes reservatórios de água de suas hidroelétricas. A justificativa era sempre em nome do “desenvolvimento”.

Muitas decisões foram tomadas em nome da maioria, mas isso, no entanto, não lhes garantiu caráter democrático. O principio majoritário se justifica como um procedimento decisório democrático quando os direitos das minorias dos atingidos (no caso, pelas barragens) têm os seus direitos preservados.

Existem temas de interesse do país, com decisões políticas tomadas, por exemplo, pelos representantes do povo no Congresso Nacional, cujos custos e impactos atingem minorias da população. Nestes casos, o principio majoritário da decisão não garante o seu caráter democrático.

A construção das barragens ao longo do Rio São Francisco expulsou populações nativas, inundando várias cidades, e se constitui exemplo de decisões antidemocráticas, pois não levaram em conta os interesses dessas populações. Para situações relacionadas à questão energética, preconiza-se a necessidade de construção de consensos, o que significa o reconhecimento dos interesses divergentes que devem ser considerados e incorporados no processo de negociação.

Questões sociais envolvendo a Chesf foram blindadas. Pouco debate ocorreu na sociedade. A companhia virou intocável, inatacável, devido a sua importância para a região. O direito das populações afetadas (minorias) não se confunde com o direito da maioria – ambos podem ser exercidos democraticamente.

Por outro lado, todo o sistema elétrico brasileiro, desde o final do século passado, tem sofrido uma ingerência político-partidária nunca antes ocorrida com tal voracidade, que é nefasta para os objetivos, o trabalho e a atuação desse setor estratégico para o país. Verifica-se que as empresas do setor viraram moeda de troca nas transações de pura politicagem. Os dirigentes dessas empresas são escolhidos dentre os apadrinhados pelos partidos da base aliada de sustentação política do governo. Depois é que se analisa se estes têm competência técnica para a função designada. Tudo, diz o governo, para manter a “governabilidade”.

Uma combinação de fatores trouxe para a CHESF uma agenda negativa, onde quedas no fornecimento de energia se tornaram recorrentes na região por falta de planejamento, de investimentos, de valorização de seus funcionários (substituídos muitas vezes pelos terceirizados). A demissão de seus quadros técnicos contribuiu para a perda reconhecida da qualidade dos serviços prestados à população. Nos últimos anos, virou rotina o não cumprimento dos contratos de projetos vitais para a segurança energética, especialmente o atraso na implantação de linhas de transmissão associadas às centrais de geração para conexão compartilhada (ICG). O que levou a própria Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) a desabilitar a CHESF, impedindo que a empresa participe de leilões de linhas de transmissão. Ressalte-se que a CHESF foi à empresa que mais recebeu autos de infração (16 penalidades) nos últimos anos.

É inegável a responsabilidade das últimas administrações da CHESF pelo sentimento negativo existente na sociedade nordestina, devido ao grande desgaste da credibilidade da empresa. Responsabilizar a questão ambiental pelos atrasos nas obras, como vem sendo repetido pelos gestores, é uma ladainha que já não convence ninguém. Apenas mostra o despreparo e a falta de compromisso daqueles que dirigem esta empresa, outrora tão admirada.

O que acontece, hoje, com o grupo Eletrobrás, incluindo a CHESF, revela o mesmo “modus operandi” perverso adotado pelos governos para a privatização de outras estatais. O desgaste, a perda de credibilidade, e o sucateamento integram o roteiro que caminha a passos largos no processo de privatização de mais um patrimônio do povo brasileiro – se nada for feito para detê-lo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...